BIBLIOTECAS DAS ESCOLAS DE MONTE GORDO/SANTO ANTÓNIO

24
Abr 08
25 de Abril de 1974

 

Esta é a madrugada que eu esperava
O dia inicial inteiro e limpo
Onde emergimos da noite e do silêncio
E livres habitamos a substância do tempo.



Sophia de Mello Breyner Andresen
publicado por bibliocentro às 10:33
sinto-me:
música: E Depois do Adeus

22
Abr 08


Ana Sousa Dias entrevista Fernando Savater um dos mais influentes filósofos da actualidade. A sua vasta obra filosófica tem a particularidade de trazer ao debate contemporâneo a ética e os jovens. Savater fala-nos, aqui, da importância do livro num tempo em que as novas tecnologias da informação e comunicação, parecem querer atirá-lo para o longínquo baú das memórias.

UM LIVRO É UM AMIGO PARA A VIDA!
publicado por bibliocentro às 10:19
sinto-me:

10
Abr 08
    Animais falantes à solta na Biblioteca!

Leitura de Fábulas de La Fontaine pelos alunos do 5ºA . Os ouvintes são encarregados de educação, uma turma do 3º ano, uma do 6º ano (convidados pelos leitores) e alunos e professores que foram atraídos pelas "vozes dos animais..."


Os leitores antes das leituras, alegres e descontraídos ...


Dando uma última olhada às clássicas palavras de LA FONTAINE ...


Mães "babadas"( e com toda a razão) bebem as palavras à solta...


Ouçam-se as vozes....


Esperando a vez com ansiedade...


Reparem na cegonha em pântano pintado pela aluna...


Um bigode assim ajuda bastante na insolente e esganiçada voz da formiga trabalhadora...


Quem prende os ouvintes? A abelhinha ou os alunos ?


Ouvintes envolvidos nas aventuras de insectos, aves, felinos e outros animais que saltam das páginas de La Fontaine ...
publicado por bibliocentro às 10:46
sinto-me:
música: A Formiga no Carreiro...

03
Abr 08
Preparando a leitura na sala de aula:








Como vêem, muita concentração a preparar uma sessão de leitura de FÁBULAS, na Biblioteca,  para pais e colegas de outras turmas. A responsabilidade exige...
publicado por bibliocentro às 10:54
sinto-me:

Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
23
25
26

27
28
29
30


logotipo
à procura do tempo perdido
António Aleixo
E vós que do vosso império prometeis um mundo novo calai-vos que pode o povo q`rer um mundo novo a sério.
visitas
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO