BIBLIOTECAS DAS ESCOLAS DE MONTE GORDO/SANTO ANTÓNIO

26
Fev 10

De novo, Ulisses, na sua odisseia, ancora os seus barcos na acolhedora enseada da nossa Biblioteca. É com muito prazer e alegria que o acolhemos, bem como aos seus homens. Ouvir histórias de Ulisses é viajar nos tempos e nos espaços da imaginação. Venham ver a exposição "Interpretação das Aventuras de Ulisses", com trabalhos produzidos pelos alunos do 6ºB.

 

 

Ulisses parte para a guerra, deixando a sua bela ilha Ítaca...

 

Penélope, a esposa, e Telémaco, o filho, despedem-se já cheios de saudade...

 

 Nos palácios intramuros da cidade de Tróia, vive (raptada ou por amor, quem o saberá) a bela grega Helena...

 

Após 10 anos de cerco e escaramuças, os gregos não conseguem derrotar os troianos...

 

 

É então que o manhoso Ulisses tem a ideia de "presentear" os troianos com um imponente cavalo... (o resto é a história que se sabe).

Depois de derrotados os troianos, os gregos regressam a casa... é aqui que começa a verdadeira Odisseia...

 

 

O mar das sereias... que chamam os homens para o fundo do mar...

 

O gigante, de um só olho, Polifemo... que come humanos como quem deglute caracóis...

 

A apaixonada Circe, que transforma os homens de Ulisses em porcos... e tantas e tantas outras aventuras que nunca caberiam neste texto blogosférico.

 

 

Enfim de regresso a casa: à bela ilha de Ítaca, à não menos bela esposa Penélope (que  resiste aos inúmeros pretendentes), ao já crescido filho Telémaco e ao seu velho cão Argus que o esperara fielmente e que, velho e emocionado, morre ao ver o dono.

publicado por bibliocentro às 10:51
sinto-me:

19
Fev 10

 

Princesas, piratas, duendes, cientistas excêntricos, anões, sereias, heróis de todos os tempos e, mesmo, sem tempo, corsários, reis, pobres, ricos, papas, escritores, poetas, bandidos de fazer-de-conta, artistas de todas as artes e de arte nenhuma, mendigos, fadas, génios, fantasmas, filósofos, leitores, pais, mães, avôs, primos, netos e compadres, namorados, heróis e anti-heróis de banda desenhada e por desenhar, animais da arca de Noé e outros de fantasia, de sonhos e de pesadelos, paisagens magníficas, minotauros, centauros e mostrengos que estão no fundo do mar, barcos e outras engehocas humanas, meninos e meninas, rapazes e raparigas, homens e mulheres, alunos e professores...

 

VENHAM!! A FESTA É JÁ NOS INÍCIOS DE MARÇO. ENTREM NA VIAGEM DA LEITURA. É NO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MONTE GORDO.

publicado por bibliocentro às 10:45
sinto-me:
música: A banda - Chico Buarque

05
Fev 10

 

 

Dando seguimento à  actividade, constante na Planificação da BECRE,  "Formação de Utilizadores", tivemos ontem mais uma sessão bastante animada. A actividade, que envolveu a turma do 8ºB, acompanhada pelo professor Paulo Silva, dividiu-se em duas partes: uma prática em que os alunos procuravam determinados livros, utilizando a sua cota e manuseando os seus conhecimentos biblioteconómicos em termos de CDU (adquiridos numa fase anterior da formação); outra, mais teórica, em que a Professora-Bibliotecária abordou alguns procedimentos e técnicas de pesquisa, investigação e de elaboração de projectos de trabalho.

 

Nesta sessão de trabalho contámos, ainda,  com a gratificante presença do CIBE (Coordenador Interconcelhio das Bibliotecas Escolares) Dr. Paulo Izidoro.

 

Para vos deixarmos uma ideia do empenhamento dos alunos na actividade, vamos aqui deixar um slide show que nos dá um retrato da sessão:

  

publicado por bibliocentro às 22:44
sinto-me:

Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
20

21
22
23
24
25
27

28


logotipo
à procura do tempo perdido
António Aleixo
E vós que do vosso império prometeis um mundo novo calai-vos que pode o povo q`rer um mundo novo a sério.
visitas
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO