BIBLIOTECAS DAS ESCOLAS DE MONTE GORDO/SANTO ANTÓNIO

30
Mar 12

        A hora do conto deste mês traz à biblioteca a savana africana onde uma avestruz, a Mariluz, leva os dias a passear a sua cauda magnífica. Durante a noite, para não amarrotar as penas, dorme com a cabeça enterrada na areia e a cauda no ar. Uma manhã, ao acordar, estica o seu longo pescoço e sente que a sua cabeça está presa. Mariluz pateia, esperneia, dá à cauda, puxa, puxa, e puxa... mas a cabeça está presa e não sai. Só com a ajuda de outros animais é que consegue ver novamente a luz do dia…

        A história de Mariluz Avestruz, escrita por Rachel Chaundler e ilustrada por Bernardo Carvalho, demonstra que o trabalho em grupo e que o esforço em equipa resulta.

       Mariluz aprenderá também que a luz do dia é muito mais importante do que a sua bela cauda e já não esquecerá que só as avestruzes desmioladas dormem com as cabeças enterradas.

 

Actividade desenvolvida por:
GILDA GONÇALVES
publicado por bibliocentro às 12:26
sinto-me:

23
Mar 12

        Durante a Semana da Leitura e em todos os intervalos diários, decorreu na Biblioteca do 1.º ciclo uma actividade - LEITURAS INESPERADAS - que envolveu todos os alunos que, espontaneamente, quiseram dar espaço e voz aos seus livros e personagens favoritos, partilhando-os com os colegas. A adesão e a animação foram constantes, fazendo desta uma actividade a repetir ...

 

Actividade desenvolvida por: GILDA GONÇALVES
publicado por bibliocentro às 16:06
sinto-me:

22
Mar 12

        A entrega de prémios aos melhores leitores é já uma tradição na nossa Semana da Leitura, mas este ano, pela primeira vez, também os alunos do 1.º ciclo foram abrangidos, uma vez que a "sua" Biblioteca é já uma realidade e bem activa!! Para além de um diploma e um livro, este grupo de alunos para quem a leitura é uma paixão ainda recebeu o devido  e merecido aplauso dos colegas e professores que presenciaram esta pequena cerimónia de homenagem.

publicado por bibliocentro às 16:24
sinto-me:

21
Mar 12

        Os alunos do 4.ºI proporcionaram um momento verdadeiramente delicioso com a leitura encenada do conto "A Princesa e a Ervilha" de Hans Christian Andersen, que veio enriquecer a nossa Semana da Leitura. Bem ensaiados por Gilda Gonçalves e com o apoio da Professora Célia Silva, perante uma plateia de alunos, pais e professores, sem atropelos nem enganos, transmitiram a magia das histórias encantadas e personificaram princesas e príncipes, reis e rainhas.

publicado por bibliocentro às 16:36
sinto-me:

        Um dos momentos altos da nossa Semana da Leitura foi, sem dúvida, protagonizado pelos alunos do 5.ºG e do 6.ºI, motivados, inspirados e ensaiados pelo Professor Vítor Cardeira. A actividade "FÁBULAS, QUADRAS ...+ RAP, POP E FADO" dividiu-se em dois momentos: numa primeira parte os alunos do 5.ºG leram fábulas de La Fontaine e, na segunda parte, os alunos do 6.ºI "musicaram" quadras de António Aleixo ... ao som de RAP, POP e fado, consoante o gosto e/ou a aptidão de cada um.

      Aqueles que tiveram o prazer de assistir - alunos, professores e pais - reagiram muito positivamente, alguns com sorrisos, outros com lágrimas, mas todos com muitos aplausos.

 

publicado por bibliocentro às 12:42
sinto-me:

20
Mar 12

         Numa actividade que contou com a presença e colaboração de Encarregados de Educação, os alunos do 6.ºG foram (muito bem) preparados pela Professora Maria José Pedro, realizando uma dramatização do poema "A Bela Infanta" de Almeida Garrett. Foi com segurança e entusiasmo que abraçaram a difícil tarefa, arrancando aplausos de admiração de colegas, professores e pais.

           Para acabar em beleza esta sessão, incluída nas comemorações da Semana da Leitura, a Encarregada de Educação Filipa Raimundo encantou os presentes declamando o poema "Hoje, As Pedras" de Maria Alberta Meneres.

 

         

 

 

"

 

Estava a bela infanta
No seu jardim assentada,
Com o pente de oiro fino
Seus cabelos penteava
Deitou os olhos ao mar
Viu vir uma nobre armada;
Capitão que nela vinha,
Muito bem que a governava.
- "Dize-me, ó capitão
Dessa tua nobre armada,
Se encontraste meu marido
Na terra que Deus pisava."
-"Anda tanto cavaleiro
Naquela terra sagrada...
Dize-me tu, ó senhora
As senhas que ele levava."
-"Levava cavalo branco,
Selim de prata doirada;
Na ponta da sua lança
A cruz de Cristo levava."
-"Pelos sinais que me deste
Lá o vi numa estacada
Morrer morte de valente:
Eu sua morte vingava."
-"Ai triste de mim viúva,
Ai triste de mim coitada!
De três filhinhas que tenho,
Sem nenhuma ser casada!..."
-"Que darias tu, senhora,
A quem no trouxera aqui?"
-"Dera-lhe oiro e prata fina
Quanta riqueza há por í."
-"Não quero oiro nem prata,
Não nos quero para mi':
Que darias mais, senhora,
A quem no trouxera aqui?"
-"De três moinhos que tenho,
Todos os três tos dera a ti;
Um mói o cravo e a canela,
Outro mói do gerzeli:
Rica farinha que fazem!
Tomara-os el-rei para si."
-"Os teus moinhos não quero,
Não os quero para mi:
Que darias mais, senhora,
A quem to trouxera aqui?"
-"As telhas do meu telhado,

Que são de oiro e marfim."

-"As telhas do teu telhado
Não nas quero para mi":
Que darias mais, senhora,
A quem no trouxera aqui?"
-"De três filhas que eu tenho
Todas três te dera a ti:
Uma para te calçar,
Outra para te vestir
A mais formosa de todas
Para contigo dormir."
-"As tuas filhas, infanta,
Não são damas para mi':
Dá-me outra coisa, senhora,
Se queres que o traga aqui."
-"Não tenho mais que te dar.
Nem tu mais que me pedir."
-"Tudo não, senhora minha.
Que inda não te deste a ti."
-"Cavaleiro que tal pede,
Que tão vilão é de si,
Por meus vilãos arrastado
O farei andar por aí
Ao rabo do meu cavalo
À volta do meu jardim.
Vassalos, os meus vassalos,
Acudi-me agora aqui!"
-"Este anel de sete pedras
Que eu contigo reparti...
Que é dela a outra metade?
Pois a minha, vê-la aí!"
-"Tantos anos que chorei,
Tantos sustos que tremi!...
Deus te perdoe, marido,
Que me ias matando aqui."

publicado por bibliocentro às 09:53
sinto-me:

19
Mar 12

        No âmbito das comemorações da Semana da Leitura não podia faltar uma exposição com trabalhos dos alunos. Assim, após as leituras e o trabalho realizado em sala de aula, os alunos do 5.ºG, 5.ºH, 6.ºG e 6.ºI realizaram trabalhos, orientados pelos Professores Vítor Cardeira, M.ª José Pedro e Luís Arquilino, que podem ser apreciados na nossa Biblioteca. Do reconto às biografias de autores estudados, sem esquecer as ilustrações de obras lidas, muito se pode apreciar e aprender...

publicado por bibliocentro às 15:22
sinto-me:

        A entrega de prémios aos melhores leitores é já uma tradição na nossa Semana da Leitura. Para além de um diploma e um livro, este grupo de alunos para quem a leitura é uma paixão ainda recebeu o devido  e merecido aplauso dos colegas e professores que presenciaram esta pequena cerimónia de homenagem.
publicado por bibliocentro às 14:49
sinto-me:

        Inicia hoje a nossa Semana da Leitura, recheada de actividades para todos os alunos do 1.º ao 9.º ano, mas também envolvendo professores, pais e Encarregados de Educação, onde se pretende celebrar o prazer e a importância da leitura. O magnifico cartaz foi criado pelo Professor Nuno Martins.
publicado por bibliocentro às 13:31
sinto-me:

14
Mar 12

        Os alunos do 6.º G, H e I, orientados pelas Professoras Raquel Gonçalves, Sílvia Barbosa e Sofia Brito, realizaram trabalhos onde aplicaram os conhecimentos adquiridos sobre Isometrias, Frisos, Rosáceas e Padrões na Matemática, que se encontram em exposição na nossa Biblioteca e podem ser apreciados por todos aqueles que queiram aprender um pouco mais sobre a temática.

 

publicado por bibliocentro às 14:43
sinto-me:

Março 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
15
16
17

18
24

25
26
27
28
29
31


logotipo
à procura do tempo perdido
António Aleixo
E vós que do vosso império prometeis um mundo novo calai-vos que pode o povo q`rer um mundo novo a sério.
visitas
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO