BIBLIOTECAS DAS ESCOLAS DE MONTE GORDO/SANTO ANTÓNIO

31
Out 14

Og, um homem das cavernas fartíssimo de comer sementes, legumes e fruta, viu um anafado mamute no cimo de uma montanha e logo lambeu os beiços de gula; apetecia-lhe mesmo comer carne! Decidiu caçar o mamute e fazer com ele uma bela tarte. Como era só um homem das cavernas sem armas nem utensílios, pediu ajuda a cinco amigos e lá foram, munidos de uma única lança, um carro, uma fogueira e um caldeirão. No cume da montanha, o calmo mamute observava os seis homens que a subiam enquanto lhes preparava um susto…

Terão os homens caçado o mamute, ou ter-se-ão decidido a ficar vegetarianos?

Esta foi a divertida história, escrita por Jeanne Willis e ilustrada por Tony Ross,  que ao longo do mês de Outubro deliciou os alunos do 1.º E e F, 2.º D e E e 3.º F da Escola Básica de Santo António na sua visita à Biblioteca Municipal Vicente Campinas.

foto1.jpg

foto2.jpg

 

foto3.jpg

foto5.jpg

foto6.jpg

 

foto7.jpg

foto8.jpg

 

foto4.jpg

 

publicado por bibliocentro às 15:35
tags:

28
Out 14

Os alunos do 6.º G e I estiveram na nossa Biblioteca, onde se encantaram com o bonito conto d'"O mercador de coisa nenhuma", de António Torrado, através da voz da Margarida Gomes, contadora de histórias da Biblioteca Municipal Vicente Campinas.

Esta é a história do filho de um comerciante de tapetes pouco interessado em dar continuidade ao negócio da família que, desafiado pelo pai, se lança à sorte de se tornar rico. Racib vendeu gotas de água, grãos de areia, mas ficou rico mesmo vendendo os seus sonhos...

DSC04503.JPG

DSC04504.JPG

DSC04506.JPG

DSC04507.JPG

 

 

publicado por bibliocentro às 10:47

23
Out 14

Os alunos do 6.ºH, orientados pela Professora Rute Domingues, realizaram pesquisas sobre a RODA DOS ALIMENTOS e as regras para uma alimentação saudável, a partir das quais elaboraram trabalhos que se encontram em exposição na nossa Biblioteca.

Aparece , aprecia e aprende!

DSC04493.JPG

 

DSC04495.JPG

DSC04496.JPG

DSC04497.JPG

DSC04498.JPG

DSC04499.JPG

 

 

publicado por bibliocentro às 16:13

16
Out 14

Os alunos do 8.ºF, acompanhados pela Professora Directora de Turma Ana Paula Simões, realizaram na Biblioteca Escolar uma formação que tinha como objectivos ensinar a estruturar um trabalho de pesquisa, a encontrar/utilizar a informação correcta e  a elaborar uma bibliografia, bem como interiorizar a importância do respeito pela autoria de documentos.

 

DSC04473.JPG

DSC04474.JPG

 

publicado por bibliocentro às 12:45

15
Out 14

Em exposição na nossa Biblioteca estão os trabalhos criados pelos alunos do 9.ºD, orientados pela Professora Isabel Silva na disciplina de Educação Visual, inspirados nas obras de JACKSON POLLOCK e recriando o Expressionismo Abstrato da ACTION PAINTING.

Aparece, aprecia e aprende!

 

DSC04492.JPG

DSC04487.JPG

Action Painting
O gestualismo, pintura gestual ou action painting é uma forma de pintura onde se pode observar o gesto pictórico. Este tipo de pintura não apresenta esquemas prévios, e surgiu em Nova Iorque, nos anos 40 do século XX, sob influência dos processos surrealistas de pintura automática. Alguns pintores inventam verdadeiras escritas pessoais fazendo sinais gráficos ao longo da superfície da tela. Tem como principais representantes Pollock, Kline e De Kooning. Essa corrente originou-se do expressionismo abstrato.

 

Jackson Pollock
Pollock nasceu em 28 de Janeiro de 1912 em Cody, no estado de Wyoming. Começou os seus estudos em Los Angeles e depois mudou-se para New York.
Desenvolveu uma técnica de pintura, criada por Max Ernst, o 'dripping' (gotejamento), na qual respingava a tinta sobre suas imensas telas; os pingos escorriam formando traços harmoniosos e pareciam entrelaçar-se na superfície da tela. Pollock pintava com a tela colocada no chão para sentir-se dentro do quadro. Além de deixar de lado o cavalete, Pollock também não usa mais pincéis.
Com Pollock, dá-se o auge da pintura de ação - action painting.

 

 

 

 

publicado por bibliocentro às 14:39

14
Out 14

Og, um homem das cavernas fartíssimo de comer sementes, legumes e fruta, viu um anafado mamute no cimo de uma montanha e logo lambeu os beiços de gula; apetecia-lhe mesmo comer carne! Decidiu caçar o mamute e fazer com ele uma bela tarte. Como era só um homem das cavernas sem armas nem utensílios, pediu ajuda a cinco amigos e lá foram, munidos de uma única lança, um carro, uma fogueira e um caldeirão. No cume da montanha, o calmo mamute observava os seis homens que a subiam enquanto lhes preparava um susto…

Terão os homens caçado o mamute, ou ter-se-ão decidido a ficar vegetarianos?

Esta foi a divertida história, escrita por Jeanne Willis, ilustrada por Tony Ross e contada pela Margarida Gomes, da Biblioteca Municipal Vicente campinas, que os alunos do 4.ºG ouviram deliciados na "Hora do Conto" de hoje.

DSC04476.JPG

DSC04477.JPG

DSC04478.JPG

 

 

 

 

publicado por bibliocentro às 15:03

Em dia de "Hora do Conto", os alunos do 5.ºH ouviram atentamente a história d'"O mercador de coisa nenhuma" -  escrita por António Torrado e contada pela Margarida Gomes, da Biblioteca Municipal Vicente Campinas - que valoriza o papel do sonho na vida das pessoas.

DSC04479.JPG

DSC04482.JPG

DSC04483.JPG

 

 

publicado por bibliocentro às 13:09

09
Out 14

No âmbito da Formação disponibilizada pela Biblioteca Escolar, os alunos do 9.ºD, acompanhados pela Professora de Educação para a Cidadania Eva Viegas, participaram na sessão "Organização do estudo e/ou pesquisa", onde a Professora Bibliotecária abordou diferentes técnicas facilitadoras do estudo e ensinou como retirar informação de um livro, CD-ROM, revista ou jornal.

DSC04468.JPG

 

publicado por bibliocentro às 12:15

08
Out 14

Os alunos do 9.ºE, acompanhados pelo Professor Director de Turma Nuno Vaz, realizaram na Biblioteca Escolar uma formação que tinha como objectivos conhecer os operadores boleanos e interiorizar o uso assertivo da internet. Após a exploração de uma apresentação em powerpoint, os alunos tiveram a oportunidade de aplicar os conhecimentos adquiridos na realização de uma ficha prática.

DSC04464.JPG

DSC04465.JPG

DSC04466.JPG

DSC04467.JPG

 

 

 

 

publicado por bibliocentro às 11:56

07
Out 14

"Era uma vez uma velha que tinha um gato. O gato era muito comilão e andava sempre a ver se surripiava alguma coisa. Um dia, a velha fez uma panela de papas para o almoço; mas quando as ia provar, o gato assaltou a cozinha e comeu as papas, e a panela, e a velha também..." 

Assim começa " O Gato Comilão", a história que os meninos do JI S10 e da IPSS "A Cegonha" ouviram, hoje, na nossa Biblioteca, um conto tradicional recriado por Patacrúa, ilustrado por Oliveiro Dumas e contado pela Margarida Gomes, contadora de histórias da Biblioteca Municipal Vicente Campinas.

 

 

 

publicado por bibliocentro às 15:22

Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
17
18

19
20
21
22
24
25

26
27
29
30


logotipo
à procura do tempo perdido
António Aleixo
E vós que do vosso império prometeis um mundo novo calai-vos que pode o povo q`rer um mundo novo a sério.
visitas
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO