BIBLIOTECAS DAS ESCOLAS DE MONTE GORDO/SANTO ANTÓNIO

24
Mar 11

      Perante uma plateia em festa, vários alunos destacados como os melhores leitores da escola receberam livros, um diploma e muitos aplausos. Ficou a mensagem que vale a pena ler, que ler é sinónimo de prazer, aprender e crescer e que os livros, mais que um prémio, podem ser companhia, descoberta, emoções  e/ou ideias.

 

 
      No fim, o Henrrique Ferreira, do 8.ºE, partilhou o poema que lhe valeu o 1.º prémio no Concurso de Escrita lançado no Mês das Bibliotecas Escolares que decorreu sob o mote "DESAFIO, MUDANÇA, DIVERSIDADE" e que aqui fica registado:
 
A Nossa Biblioteca
 
A nossa Biblioteca
Tem muita diversidade
Mais que outra escola
Ou até universidade
 
Para todos os da Biblioteca
Tomar conta dela é um desafio
Os alunos dão-lhes cabo da cabeça
Não aguentam nem mais um pio
 
Vamos a correr para a Biblioteca
Porque quem corre por gosto não cansa
Talvez se formos muitos
Consigamos fazer a mudança
 
Não desistam
Ainda há esperança
Porque para nós
Está na hora da mudança
 
A melhor Biblioteca do mundo inteiro
É melhor que o meu feitio
Para mim, dizer isto
É um grande desafio
 
Vou à Biblioteca
Com muita regularidade
Porque em filmes e livros
Tem uma grande diversidade
 
Qualquer um dos monitores
A sua tarefa cumpriu
Apesar de, para eles,
Ser um grande desafio
 
Se há coisa que a Biblioteca não precisa
É de muita mudança
Porque assim como estamos
No ranking estaremos na liderança!
 
Escrever este poema
Com tanta diversidade
Foi um desafio muito grande
Para a minha pouca idade!
publicado por bibliocentro às 11:29
sinto-me:

06
Nov 08

 

 

Pequeno filme do grande escritor português António Lobo Antunes. Por altura do lançamento do seu último livro "Arquipélago da Insónia" - e depois de ter vencido a morte, derrotando com coragem um cancro que lhe minou a vida (como testemunhou numa entrevista desassombrada à revista Visão" ) -  o escritor/psiquiatra fala-nos de livros, escritores, prémios, solidão, vida, morte e outras "coisas que acontecem".

 

Eterno candidato ao Nobel da Literatura, e grande rival de José Saramago, Lobo Antunes faz uma auto-análise e aborda a, sempre complexa, relação do escritor enquanto "artesão" solitário da palavra e a efervescente vida social dos salões literários, onde os prémios garantem a imortalidade... das vaidades.

 

É um testemunho notável, arrojado e duro para quem a escrita é um acto de viver, como a "respiração dos pássaros".

publicado por bibliocentro às 10:30
sinto-me:

08
Mai 08
Para alguns será uma lamechice. Uma cerimónia de antigamente para o bocejo do costume. Mas ninguém, certamente, se oporá a que quem se empenha, quem perde (afinal ganha) o seu tempo para dinamizar a Escola e dá o seu melhor na execução de um projecto  tenha a sua recompensa , o seu prémio. Este post é também uma forma de recompensa a quem se integrou através das palavras na(s) Semana(s) da(s) Leitura(s) e que, com elas, tornou a Escola mais viva e atractiva.

Entrega de prémios do Concurso de Declarações de Amor:















Prémios para os melhores leitores:







SEM UM BOM PÚBLICO NÃO HÁ VERDADEIRA RECOMPENSA... ELE É O ESPELHO DAS PALAVRAS...



publicado por bibliocentro às 11:09
sinto-me:

03
Abr 08
Preparando a leitura na sala de aula:








Como vêem, muita concentração a preparar uma sessão de leitura de FÁBULAS, na Biblioteca,  para pais e colegas de outras turmas. A responsabilidade exige...
publicado por bibliocentro às 10:54
sinto-me:

Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


logotipo
à procura do tempo perdido
António Aleixo
E vós que do vosso império prometeis um mundo novo calai-vos que pode o povo q`rer um mundo novo a sério.
visitas
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO