BIBLIOTECA DA ESCOLA DE MONTE GORDO

26
Mai 15

Em dia de "Hora do Conto", a Mariana Rego, da Biblioteca Municipal Vicente Campinas, trouxe a história d'"O Pau de Giz", de Iris van der Heide e ilustrações de Marije Tolman, que muito deliciou e divertiu os alunos do 3.ºG, 4.ºH e 4.ºG.

Este livro é uma excelente oportunidade para reforçarmos que o mais importante, por vezes, é simples e que a maior riqueza e divertimento passam pela nossa IMAGINAÇÃO. Um simples pau de giz e a imaginação fazem as crianças deste livro felizes, enquanto a Sara persiste em querer os brinquedos dos outros, não se conseguindo divertir.

DSC05099.JPG

DSC05100.JPG

DSC05104.JPG

DSC05106.JPG

DSC05109.JPG

DSC05107.JPG

 

 

publicado por bibliocentro às 13:13

14
Mai 15

Hoje foi dia de "Hora do Conto" para os atentos e deliciados meninos da IPSS "A Cegonha", que visitaram a nossa Biblioteca e ouviram a história "Oh, Boris!", escrita por Carrie Westom, ilustrada por Tim Warnes e contada pela Margarida Gomes, da Biblioteca Municipal Vicente Campinas.

Quando a Professora anunciou a chegada de um novo aluno, todos os animais ficaram contentes. Mas assim que Boris deu os seus primeiros passos peludos e… assustadores na sala de aula, todos GRITARAM! É claro que Boris não queria assustar ninguém. Ele só queria ser amigo. Até que acontece algo que o vai ajudar...

DSC05082.JPG

DSC05081.JPG

DSC05089.JPG

DSC05086.JPG

 

publicado por bibliocentro às 10:18

12
Mai 15

Em exposição na nossa Biblioteca encontram-se as fantásticas composições realizadas pelos alunos do 9.ºD e E, nas aulas de Educação Visual, sob a orientação da Professora Isabel Silva, que resultam da aplicação do estudo e pesquisa que realizaram sobre a OP ART.

Aparece, aprecia e aprende!

DSC05076.JPG

DSC05077.JPG

DSC05078.JPG

DSC05079.JPG

Op art é um termo usado para descrever a arte que explora a falibilidade do olho e pelo uso de ilusões ópticas.
A expressão "op-art" vem do inglês (optical art) e significa “arte óptica”. Defendia para arte "menos expressão e mais visualização". Apesar do rigor com que é construída, simboliza um mundo mutável e instável, que não se mantém nunca o mesmo.
Os trabalhos de op art são em geral abstratos, e muitas das peças mais conhecidas usam apenas o preto e o branco. Quando são observados, dão a impressão de movimento, clarões ou vibração, ou por vezes parecem inchar ou deformar-se.
O termo Op Art foi empregado pela primeira vez na revista Times no ano de 1964 e designa uma derivação do expressionismo abstrato.
A Op Art brinca com nossas percepções ópticas. As cores são usadas para a criação de efeitos visuais como sobreposição, movimento e interação entre o fundo e o foco principal. Os tons vibrantes, círculos concêntricos e formas que parecem pulsar são as características mais marcantes deste estilo artístico.

Principais expoentes:
Ad Reinhardt,
Alexander Calder,
Youri Messen-Jaschin,
Victor Vasarely (o pioneiro no aprimoramento dessa técnica).

Fonte: Wikipedia

publicado por bibliocentro às 12:25

07
Mai 15

Na "Hora do Conto" de hoje, a Margarida Gomes, da Biblioteca Municipal Vicente Campinas, trouxe a história d'"O Pau de Giz", de Iris van der Heide e ilustrações de Marije Tolman, que deliciou os atentos alunos do 1.ºG e 2.ºF.

O Pau de Giz acompanha as várias tentativas de Sara para se divertir. Saltando de brinquedo em brinquedo, de troca em troca, a protagonista não consegue tirar qualquer prazer das actividades que entretêm e divertem os seus amigos, desejando sempre uma coisa diferente daquela que tem.

Trata-se, afinal, de descobrir a importância da amizade e do divertimento em grupo, ao mesmo tempo que se valoriza não o objecto, mas a forma como a criança o interpreta, interage com ele e inventa brincadeiras e divertimentos engraçados e estimulantes.

DSC05063.JPG

DSC05064.JPG

DSC05069.JPG

DSC05073.JPG

 

publicado por bibliocentro às 11:35

Maio 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
27
28
29
30

31


à procura do tempo perdido
António Aleixo
E vós que do vosso império prometeis um mundo novo calai-vos que pode o povo q`rer um mundo novo a sério.
subscrever feeds
tags

"a química do amor"

"conta lá"

"contar as metas"

"house&furniture"

"i am because we are"

"ida às compras"

"tio lobo"

1.ºciclo

25 de abril

25 de abril de 1974

31 de janeiro

abril

action painting

actividades

antigo egipto

antónio aleixo

arte

aulas

aventura

be/cre

becre

bibliopaper

biblioteca

biblioteca escolar

bibliotecas

cacela

cacela velha

cegonha

ciipc

comemoração

como consultar um dicionário

concurso

concurso de leitura

concurso nacional de leitura

declaraçao de amor

destaques

dia internacional da pessoa com deficiên

dia mundial da poesia

dia mundial do livro

encontro com autores

english speaking countries

escola

escritor

exposição

exposições

fábulas

feira do livro

férias

fernando pessoa

festa da leitura

filme

filmes

filosofia

formação

formação de utilizadores

formação de utilizadores; organização da

gripe a

halloween

história

histórias

hora do conto

hora do conto histórias

leitor

leitura

ler leitura livros

liberdade

língua portuguesa

literatura

livro

livros

manuela ribeiro

mapas mentais

melhores leitores

mês das bibliotecas escolares

mibe

monte gordo

música

natal

ondina santos

operadores boleanos

organização do estudo/pesquisa

passeios

pnl

poesia

pop art

prémios

prémios melhores leitores

recital

rede de bibliotecas do baixo guadiana

rosa-dos-ventos

semana cultural

semana da leitura

sinónimos de leitura

sinónimos de leitura. encontro com escri

sistema solar

teatro

trabalho colaborativo

trabalho de pesquisa

ultimato

vila real de santo antónio

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO